Receba dicas grátis!

4 tipos de lápis para colorir

Se antigamente somente crianças e profissionais utilizavam lápis de cor, de uns tempos para cá isso mudou completamente. O lançamento do livro de colorir Jardim Secreto, em meados de 2014, provocou uma crescente popularização dos livros de colorir. Aumentando o número de adeptos dessa atividade.

Para colorir com perfeição é preciso garantir a qualidade do instrumento fundamental para a execução dessa arte: o lápis de cor. E se você quer saber quais os tipos de lápis para colorir disponíveis no mercado, continue lendo este artigo.

Como escolher o lápis de cor?

Primeiramente deve-se levar em conta quem é que vai utilizar o lápis de cor. Essa informação vai definir, entre outras coisas, o formato do lápis. O lápis de cor Faber Castell, por exemplo, é a marca que mais possui variações no corte. Já reparou que existem versões redondas, hexagonais e triangulares? Pois é, esses acabamentos não são feitos por estética ou de forma aleatória. Existe um propósito para cada um deles, veja a seguir.

Hexagonal

Esse formato é o padrão amplamente utilizado por estudantes e pessoas que tem a pintura como hobby ou trabalho. O objetivo do formato hexagonal é preservar o lápis pois, dessa forma, ele não rola na mesa ou em qualquer outra superfície lisa.

Redondo

O corte redondo não é recomendado para uso em ambiente escolar. Seu formato é ideal para uso em escritórios, especialmente para taquigrafia, devido a facilidade de girar na mão.

Triangular

Já o corte triangular foi desenvolvido especialmente para oferecer mais conforto e ergonomia para crianças em fase pré-escolar. Pois esse tipo de lápis facilita a acomodação dos dedos e não provoca cansaço durante o uso. Essa versão do lápis de cor Faber Castell possui também esferas antideslizantes que proporcionam mais firmeza durante a pintura.

Tipos de lápis para colorir

Depois de escolher qual será o formato do lápis de cor, é preciso decidir qual o efeito desejado durante a pintura. Além do lápis de cor que todo mundo já conhece, existem as opções menos tradicionais. São elas:

1. Lápis de cor aquarela

A aquarela é uma antiga técnica de pintura que consiste em dissolver a tinta na água. Como resultado, o tom ganha certa transparência, e o efeito “borrado” leva leveza a qualquer obra de arte. O lápis de cor aquarela possibilita que a técnica seja aplicada sem o uso de tinta. Para utilizar, basta pintar uma área de papel e, em seguida, utilizar o pincel úmido para conseguir o efeito desejado.

2. Lápis de cor pastel

Para trabalhos profissionais, onde o resultado precisa ser mais refinado e com melhor acabamento, existe o lápis para colorir de cor pastel. Seu material seco evita manchas nas mãos, e a mina extra grossa (diâmetro 4.0mm) é ideal para esfumar.

3. Lápis de cor misturinha

Dentre as opções de lápis de cor disponíveis no mercado, a versão Misturinha é uma das exclusividades da Faber Castell. Com ele as pinturas ganham um efeito mesclado de cores do mesmo tom, dando um toque diferenciado ao desenho.

4. Lápis de cor tradicional

Por último, mas tão importante quanto os anteriores, existe a versão tradicional dos lápis coloridos. Em versões a partir de 12 cores, eles servem para dar vida, saturação e graça a diferentes tipos de desenhos e trabalhos, sejam eles escolares ou não.

Você imaginava que a variedade de lápis para colorir era tanta? Na dúvida de qual escolher, conheça todas as opções de lápis de cor disponíveis na Costa Atacado. E fazendo a sua compra online você recebe tudo no conforto do seu lar, sem precisar sair de casa.

Adicionar comentário